Baiaformosa.com.br
Reserve
agora
Destino:
Chegada:
Saída:
0 noites
Nº pessoas:
Esportes
Surf
Surfistas mostram a Pipa para o mundo
 


Surf

A pequena baía é cercada de falésias e dunas avermelhadas que protegem os picos dos ventos de sul e sudeste que praticamente predominam o ano inteiro. As melhores ondas quebram com swell de leste e sudeste durante o inverno e de nordeste ou norte nos meses de verão. As ondas variam de 2 a 8 pés e quebram o ano todo. A maioria dos picos tem fundo de pedras e predominam para a direita.

Baía Formosa e suas ondas sempre são lembrados por Fábio Gouveia, surfista profissional paraibano, ex-campeão mundial amador e um dos melhores surfistas brasileiros de todos os tempos.


Os picos de surf em Baía Formosa

A pequena baía é cercada de falésias e dunas avermelhadas que protegem os picos dos ventos de sul e sudeste que praticamente predominam o ano inteiro. As melhores ondas quebram com swell de leste e sudeste durante o inverno e de nordeste ou norte nos meses de verão. As ondas variam de 2 a 8 pés e quebram o ano todo. A maioria dos picos tem fundo de pedras e predominam para a direita.


O pico mais constante e com mais surfistas é o PONTAL, em frente à cidade. O Pontal tem uma longa direita com fundo de pedra e com melhor formação na maré enchendo ou cheia. É também o pico mais procurado pelos locais que são em grande número, mas são muito hospitaleiros e amigáveis. O Pontal já foi citado na revista Fluir, pelo surfista paraibano Fábio Gouveia, como a sétima melhor onda do Brasil. Com a maré seca também tem ondas, mas o pico fica ideal para iniciantes com a maré cheia.

Outro pico que apresenta boas ondas é o PICÃO, localizado em frente à vila de pescadores de onde saem os barcos e jangadas. Boas direitas abrindo em cima de uma laje de pedras com ondas variando de 3 a 6 pés. É a "onda" preferida pelas mulheres, pois não representa tanto perigo como o Pontal, devido à menor quantidade de pedras. Os iniciantes gostam de se aventurar primeiro pelo Picão, antes de "tirar uma onda" nos outros picos de BF.


Há também a praia do MAR ABERTO, fundo de areia que funciona na maré vazando com boas esquerdas variando de 2 a 7 pés que é uma opção nos dias de muito "crowd" no PONTAL.

E os picos não param por aqui. Duas enseadas após o Pontal, encontra-se o chamado Point Secret, denominado assim pelo locais há alguns anos, quando os "haoles" detonavam demais os principais picos. Daí a surfistada de BF se mandava para o Point. Mar aberto, fundo de areia, com ondas perfeitas de esquerda e de direita. Felizmente, hoje em dia o pico não é tão secreto assim.

Baía Formosa e suas ondas sempre são lembrados por Fábio Gouveia, surfista profissional paraibano, ex-campeão mundial amador e um dos melhores surfistas brasileiros de todos os tempos. E também é freqüentada por feras como Ademir Calunga (Natal), Ronaldo, das pranchas Radical, dentre outros. Os locais que mais se destacam são José Júnior (Xupetinha), Esdrinhas, Júlio Cavalcante (Nego), Ítalo e Alan Jones.